quinta-feira, 22 de maio de 2008

Voto facultativo: Uma alternativa para alertar a população sobre a importância do voto.


Eleição é um tema que povoa a cabeça de várias pessoas nessa época. Existe a dúvida sobre em quem votar, e até mesmo a dúvida em se votar. E todo o assunto acaba ficando insignificante, pois a população só leva em conta a obrigação do voto. Se o voto fosse facultativo, a sensação de obrigação acabaria e teríamos eleitores conscientes votando e decidindo o nosso futuro.

As campanhas eleitorais não foram criadas para que sirva de comédia no horário do jantar. Estão ali apresentados os futuros deputados, senadores, prefeitos, vereadores, enfim, os governantes. Se reclamamos da situação de agora é porque não soubemos escolher. A culpa do caos político que estamos vivendo, não só hoje, mas durante anos, é dos eleitores mal informados, que não pesquisaram a vida do candidato, que não procuraram saber o que ele fez ou deixou de fazer, para que assim fosse feito uma seleção sobre em quem votar. A importância do voto foi banalizada, e a prova disso é forma que o povo encara o processo.

Se as eleições fossem facultativas, tudo seria diferente. Somente pessoas devidamente preparadas votariam, assim não colocando na urna um voto inconsciente, que depois trará sérias conseqüências. Obrigando a população a votar é como se tudo perdesse o sentido, e fosse encarado como algo sem importância, pois toda a importância está na obrigação. A consciência sobre a cidadania deixa de existir. Somente o fato de ser obrigatório deixa a população acomodada.

Facultativo ou não, o voto é algo muito importante. Decidimos com um simples apertar de botões o destino de nosso país durante quatro anos. Porém, precisamos de eleitores preparados, que levem em consideração todo o processo e tenha em mente o seu candidato escolhido devidamente. Portanto, o voto facultativo seria uma boa alternativa para que possamos mudar a concepção de cidadania da população, deixando de ver o ato de votar como uma simples obrigação.

Um comentário:

Wagner disse...

é realmente seria um ótima alternativa, pra esse pessoal q vota sem consciencia ou vota por indicação de alguem. eu nunca voltei ainda, mas
meu prof isso pra saber em quem vota,
"pesquise sobre a vida do candidato, veja oq ele ja fez, nao de importancia para as propostas feitas por ele, apenas veja oq ele fez na sua vida". acho q é isso msm, pelo menos vc vai saber o carater da pessoa em quem vota. =)
bom texto ^^
xau bjus Lena =O xD